Roberto Gama Garcia – CRIADOR DOS CONES EM VIDRO®

Roberto Gama Garcia

Atendimentos com: Acupuntura – Quiropraxia – Fitoterapia – Hidro-cólon.

Site: www.robertogama.com E-mail: [email protected]

Fones: (21) 3813-5810 / 9645-5554

Facebook: https://www.facebook.com/robertogamaterapiasnaturais

Website: http://robertogama.com/

Relato e palavras de Roberto Gama Garcia – publicado no Livro Cones Chineses – a antiga técnica de desobstrução e limpeza – autora Susi Kelly Benevides- ed. Madras 2007

Meu nome é Roberto Gama, sou acupunturista e quiropraxista,  há 29 anos e sempre me interessei por técnicas naturais que pudessem complementar meu trabalho. De uns 15 anos para cá, mudei minha ótica em relação às doenças. Passei a acreditar que, se eu pudesse retirar do corpo, tudo o que ele não consegue se livrar e lhe desse todos os nutrientes que lhe faltavam, ele por si só, resolveria todos os seus problemas. Foi aí que comecei a pesquisar métodos de limpeza orgânica.

Trabalhei com quelação (soro que contém substâncias que eliminam metais pesados do organismo), hidrocólon (técnica de limpeza intestinal), fitoterapia (compostos a base de ervas medicinais para desintoxicar diversos órgãos e sistemas), etc.

Durante este caminho entre pesquisas e trabalhos, conheci os cones chineses em um site, me interessei de imediato.

Conversando com vários terapeutas a respeito da técnica, percebi que nenhum deles havia ouvido falar sobre os cones e não tinham nada a me informar, se isso funcionavam mesmo ou não.

Até que um dia, conversando com um amigo, um professor de Tai Chi Chuan, ele relatou que um professor dele, de São Paulo, havia feito uma aplicação de uns tais cones, em um aluno de sua turma.

De imediato quis o contato com este professor. Só depois de algumas semanas consegui falar com ele. Disse que poderia me arranjar alguns cones e então encomendei logo uns 20 pares para testes.

Assim que chegaram, logo vi que eram feitos de uma forma muito rústica, pois cada um tinha um tamanho e formato diferente, mas o que me importava mesmo era se a técnica funcionava mesmo ou não.

Minha primeira aplicação foi um verdadeiro ato de malabarismo, pois como já era madrugada e estava sozinho, tive que aplicá-lo em mim, com a ajuda de um espelho (o que não aconselho ninguém a fazer).

Após a aplicação, não senti muita diferença a não ser uma dor no pescoço pela posição errada da aplicação. No dia seguinte, veio uma amiga e cliente se consultar com problemas respiratórios, falei a respeito dos cones e ela quis experimentar. Fiz a aplicação ainda sem jeito, mas transcorreu tudo bem. Ao término, ela relatou que respirava melhor e seu nariz havia desentupido. Comecei a me animar com este resultado inicial e continuei os testes com mais alguns clientes obtendo sempre relatos positivos.

Pouco tempo depois, voltei a desenvolver um trabalho em um Hospital em  Araruama, trabalho este, voltado à desintoxicação de pacientes em estado bem crítico. Graças a abertura da diretoria e médicos deste hospital, me era permitido, aplicar minhas técnicas em pacientes que eles consideravam que já não havia muito mais o que fazer. Foi uma experiência enriquecedora para mim pois, obtivemos resultados surpreendentes em diversos casos. Utilizávamos a quelação, a limpeza intestinal, a dieta do tipo sangüíneo e, os cones chineses.

Neste período também, a convite de meu primo, fui dar um curso de massagem oriental em Rio Claro – SP, e levei os cones e foi lá que conheci Susi Kelly (autora deste livro), que divulgou meu trabalho naquela cidade, onde voltei algumas vezes para atendimentos.

Neste período, continuei em busca de mais informações sobre a técnica e encontrei dois textos, em inglês, que continham canalizações sobre os cones. Achei interessante que diziam, que os cones ao equilibrar nossos chakras, também alinham o labirinto, sendo este considerado nossa bússola e, portanto, os cones nos recolocaria em nosso caminho original, que por alguma razão teríamos desviado.

Foi aí que percebi que após algumas aplicações em mim (feitas por um colega ao qual ensinei a técnica), aconteceram coisas interessantes, como voltar a trabalhar naquele Hospital de Araruama depois de uns cinco anos fora de lá. Outras experiências aconteciam como encontrar pessoas interessantes do passado, etc.

Comecei só então a perguntar aos meus clientes, se havia acontecido algo semelhante com eles, e a grande maioria relatou histórias semelhantes no sentido de voltar a fazer coisas boas que faziam, e por algum motivo deixaram de fazer.

Foi aí que eu percebi que os cones chineses eram bem mais do que apenas um método de desobstrução, eles nos beneficiam muito mais do que eu imaginava.

Passei então, a dar alguns cursos sobre a técnica e agora trabalhando com cones mais bem elaborados e com acabamento profissional.

Veio então a grande novidade do cone de vidro que, com sua variação de aplicação, eu poderia agora trabalhar com misturas de óleos essenciais.

Desde então, continuei meus estudos e aplicando tanto os cones parafinados quanto os de vidro, ai montei o primeiro site brasileiro sobre a técnica. Foi quando soube do interesse de Susi Kelly pela técnica que a adotou como um verdadeiro filho (o site www.coneschineses.com é administrado totalmente por ela também). A pedido meu, ela gentilmente aceitou em escrever este livro pois, eu tinha intenção de fazê-lo mas, ele não sairia tão cedo.

Hoje tenho a certeza que fiz a coisa certa, suas pesquisas em diversas áreas que os cones atuam, eu não poderia ter feito.

Parabéns Susi Kelly, você realmente é a verdadeira pioneira da técnica dos Cones Chineses no Brasil, fica aqui o meu agradecimento e minha gratidão por tudo que você é na minha vida.

Com Amor,

Roberto Gama Garcia (site:www.robertogama.com – (21) 9645-5554).

Palavras de Roberto Gama para o livro Cones Chineses – a antiga técnica de desobstrução e Limpeza – editora Madras – 2007